Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página
Destinos

As belezas do Centro-Oeste

Com riquezas como a arquitetura inovadora de Brasília, a vida selvagem do Pantanal e a natureza da Chapada dos Veadeiros, região terá um dia inteiro de atrações especiais na Casa Brasil nesta sexta-feira.

  • Publicado: Sexta, 12 de Agosto de 2016, 10h03
  • Última atualização em Quarta, 17 de Agosto de 2016, 10h30

Por Gustavo Henrique Braga

 


Dados do Ministério do Turismo mostram que entre os brasileiros que desejam viajar dentro do país nos próximos seis meses 6,8% deverá escolher o Centro-Oeste. E para incentivar os turistas a viajarem cada vez mais para essa região, a Casa Brasil, espaço de promoção do Governo Federal no Boulevard Olímpico, promove nesta sexta-feira (12) um dia Especial para o Centro-Oeste. Na programação, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul terão uma exposição fotográfica para representar os estados, além de uma apresentação da gastronomia pantaneira, e shows de bandas típicas da região.

Para aqueles que querem conhecer mais um pouquinho das belezas do Centro-Oeste, a Agência de Notícias do Turismo preparou algumas dicas de roteiros imperdíveis na região. Programe-se e aproveite:

Catedral de Brasília. Crédito: divulgação/Embratur
Catedral de Brasília. Crédito: divulgação/Embratur

 
Brasília

O grande atrativo da cidade é o moderno conjunto urbano do Plano Piloto, tombado em 1987 como Patrimônio Mundial da Humanidade. Entre seus principais atrativos está a Praça dos Três Poderes que congrega os palácios do Planalto, Supremo Tribunal Federal e Congresso Nacional, todos projetos por Oscar Niemeyer. Próximo à Praça estão a Esplanada dos Ministérios e a Catedral – também projetada por Niemeyer – e que até hoje é objeto de estudo devido ao uso de conceitos arquitetônicos inovadores. Também vale a pena um passeio de barco ou pela orla do Lago Paranoá. Um bom ponto para observar o lago é a Ermida Dom Bosco. Para quem deseja experimentar um pouco a área residencial do Plano Piloto, o ideal é fazer uma caminhada por dentro de uma das superquadras da Asa Sul ou da Asa Norte.

Lagoa Feia, em Formosa. Crédito: Sílvio Quirino/Goiás Turismo
Lagoa Feia, em Formosa. Crédito: Sílvio Quirino/Goiás Turismo


Formosa

Localizada a pouco mais de 80 quilômetros de Brasília, Formosa conta com atrativos culturais e também de ecoturismo e turismo de aventura. Entre os locais mais visitados da cidade está o Salto do Itiquira, o maior do Planalto Central com 168 metros de queda livre. A cachoeira está em uma reserva formada por corredeiras, mirantes, canyons e mais de 35 nascentes puríssimas de águas cristalinas. Outro ponto turístico de destaque é a Lagoa Feia que tem 400 metros de largura e 7 quilômetros de extensão. Para conhecer a Lagoa há várias trilhas para passeios. No Vale do Paranã é realizado, todo ano, o campeonato mundial de voo livre. Outro destaque é o Buraco das Araras, com trilhas que levam a diversas cavernas.

Pantanal: Crédito: divulgação/Embratur
Pantanal: Crédito: divulgação/Embratur


Pantanal

O Pantanal engloba os estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul – e se caracteriza por ser uma área de transição entre Cerrado e Amazônia rica em biodiversidade. A variedade de ambientes torna a região um dos principais destinos para o turismo contemplativo e a observação da vida selvagem, especialmente pela prática do ecoturismo e do turismo de aventura. A região tem uma das mais densas concentrações de vida selvagem no mundo, incluindo 10 milhões de jacarés, cerca de 700 espécies de aves e animais típicos da fauna brasileira como anta, capivara, lobo-guará e a onça pintada – alguns, ameaçados de extinção. O turista que vai ao Pantanal pode contratar safáris a partir de cidades como Cuiabá, Campo Grande e Corumbá. Há, também, a possibilidade de observar a habilidade dos pantaneiros na condução do gado, nas fazendas da região.

Chapada dos Veadeiros. Crédito: divulgação/Embratur
Chapada dos Veadeiros. Crédito: divulgação/Embratur


Chapada dos Veadeiros

O Parque Nacional Chapada dos Veadeiros, localizado entre os municípios goianos de Alto Paraíso, Cavalcante e Colinas do Sul, possui centenas de nascentes, cursos d'água e rochas com mais de um bilhão de anos. Turistas podem se hospedar na Vila de São Jorge, onde fica a porta de entrada do parque, ou em cidades próximas como Alto Paraíso de Goiás, que conta com melhor infraestrutura de hotéis e serviços. A caminhada e banhos de cachoeira são as principais atividades nas imensas paisagens da Chapada. O parque foi declarado Patrimônio Mundial Natural em 2001 pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).


registrado em:
Fim do conteúdo da página