Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > A chama olímpica abençoada pelo Velho Chico
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

A chama olímpica abençoada pelo Velho Chico

Serão dois dias pelo litoral e interior de Sergipe com pernoite na capital Aracaju

  • Publicado: Sexta, 11 de Março de 2016, 15h38
  • Última atualização em Terça, 15 de Março de 2016, 11h50

 

Aracaju. Foto: Embratur
Aracaju. Foto: Embratur


A onipresença do Rio São Francisco, com seus cânions que margeiam águas verdes e profundas, compõe parte do cenário que receberá a tocha olímpica em Sergipe.  Nos dias 28 e 29 de maio, seis municípios sergipanos celebram a passagem do símbolo dos Jogos Olímpicos 2016, em um roteiro pela Caatinga e pela Rota do Cangaço, personificado nas figuras de Lampião e Maria Bonita.

O ponto de partida é Canindé do São Francisco que tem entre seus principais atrativos os passeios de barco pelo cânion do Xingó. Outra atração é o Museu de Arqueologia do Xingó, que conta a história da região por meio de cerâmicas e outras peças, como esqueletos intactos com mais de nove mil anos.

Em sua viagem sergipana, a tocha visita também Poço Redondo, onde foram mortos Lampião e Maria Bonita, e Nossa Senhora da Glória, a “capital do Sertão” com seu museu a céu aberto que retrata a vida do sertanejo. No caminho tem também Nossa Senhora das Dores, numa faixa de transição entre o litoral e o sertão e a procissão dos Penitentes; e Propriá, às margens do Rio São Francisco e reconhecida pela produção de doces típicos.

No dia 28 de maio a tocha olímpica pernoita em Aracaju, depois de percorrer os principais pontos turísticos da capital, uma das cidades beneficiadas com investimentos do Ministério do Turismo. No Estado de Sergipe são mais de R$  365 milhões para financiar obras de infraestrutura turística como a construção das pontes Joel Silveira, interligando o litoral sul sergipano; e a Gilberto Amado,  que encurta a distância entre Aracaju e Salvador.

Conheça a capital onde a tocha passará uma noite em sua trajetória por mais de 300 cidades brasileiras:

Aracaju. Foto: Embratur
Foto: Embratur


Aracaju -Às margens do Rio Sergipe estão as principais atrações, como o Museu da Gente Sergipana. Instalado em um casarão restaurado de 1926, o museu celebra a identidade do povo sergipano de forma interativa, com recursos tecnológicos que divertem e educam. Para aventura, não deixe de visitar o Parque dos Falcões, a 45 quilômetros do centro, no pé da Serra de Itabaiana. Um passeio lindo é à Praia do Saco, que fica ao sul, quase na divisa com a Bahia. No meio do caminho, Croa do Goré um passeio divertido, feito em catamarã até o famoso banco de areia.

Ouça áudio / download (mp3) em que o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, frisa a importância do revezamento da Tocha para a divulgação de atrativos.


Confira o roteiro da tocha olímpica em Sergipe: 

Canindé de São Francisco
Poço Redondo
Nossa Senhora da Glória
Nossa Senhora das Dores
Aracaju, SE
Propriá



registrado em:
Fim do conteúdo da página