Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > Ministério do Turismo dá apoio inédito a congresso de artesãos
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Ministério do Turismo dá apoio inédito a congresso de artesãos

Evento contará com a participação de profissionais de todo o Brasil; qualificação, intercâmbio de experiências e definição de políticas públicas prioritárias são o foco

  • Publicado: Segunda, 19 de Outubro de 2015, 11h10
  • Última atualização em Segunda, 19 de Outubro de 2015, 11h47

Darse Júnior

 

Crédito: MTur
Artesão Amilton Trindade Narciso. Crédito: Sérgio Amaral

 

O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, participa hoje (19) da abertura do VII Congresso Nacional dos Trabalhadores Artesãos (Contrarte) em Natal (RN). O evento vai até quarta-feira (21). A ideia é proporcionar a troca de experiências, a qualificação profissional de artesãos de todo o Brasil e a discussão sobre políticas públicas voltadas para a categoria. De acordo com os organizadores, há mais de 10 milhões de artesãos no país.

“O artesanato tem papel fundamental no ciclo do turismo, do sonho ao retorno dos viajantes. São as peças produzidas pelas mãos habilidosas dos artesãos que fazem o visitante lembrar com saudade dos nossos destinos”, afirma o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves. Ao longo da última década o Ministério do Turismo trabalhou para ressaltar a importância do artesanato como um dos principais meios de agregar valor às atividades turísticas.

No último ano, a pasta publicou o edital de chamada pública para aprimorar e incentivar a comercialização de produtos associados ao turismo no entorno de 12 parques nacionais. O investimento total de quase R$ 3 milhões beneficiou a economia local, incluindo artesãos, de cidades espalhadas pelo Brasil nas proximidades dos atrativos naturais.

Além da parceria com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) para a realização do Contrarte, representantes do MTur vão ministrar palestra sobre as oportunidades de qualificação para os artesãos no Pronatec Turismo e sobre como o artesanato, produto associado ao turismo, pode ser um diferencial competitivo para os destinos turísticos.

“O apoio do Ministério do Turismo foi fundamental para melhor estruturarmos o nosso evento e ampliarmos o debate sobre políticas públicas de interesse da categoria”, afirmou Isabel Gonçalves, presidente da Confederação Nacional dos Artesãos, entidade que reúne 21 federações de artesãos espalhadas pelo Brasil.

O congresso é bianual e está na sétima edição. Ele começou a ser realizado em 1991 no Rio Grande do Sul. A sede da próxima edição, marcada para 2017 será definida durante o evento.

 

< ACESSE TODAS AS NOTÍCIAS


registrado em:
Fim do conteúdo da página