Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > Brasil ganha prêmio internacional como destino turístico de golfe
Início do conteúdo da página

Brasil ganha prêmio internacional como destino turístico de golfe

País conquista IAGTO Awards como revelação do ano entre os principais roteiros mundiais para praticar o esporte
  • Publicado: Sexta, 20 de Novembro de 2009, 10h03
  • Última atualização em Sexta, 20 de Novembro de 2009, 10h14

Praias paradisíacas, roteiros de ecoturismo, negócios e eventos, cultura e também o esporte são atrativos para os milhões de turistas estrangeiros que visitam o Brasil a cada ano. Mas há um novo produto turístico que vem ganhando destaque no exterior com potencial para incrementar a entrada de divisas no País. O Brasil acaba de receber da Associação Internacional dos Operadores de Turismo de Golfe (IAGTO) o prêmio de “Revelação do Ano” como destino para a prática do esporte. O anúncio do IAGTO Awards 2010 foi feito na noite desta quinta-feira (19) em Málaga, na Espanha, no encerramento da International Golf Travel Market (IGTM) – principal feira mundial do turismo de golfe.

O prêmio de Destino de Golfe Revelação do Ano, simbolizado por um troféu de cristal, é resultado da escolha de 100 jornalistas, de 25 países, especializados no segmento. A eleição é organizada pela International Golf Travel Writers Association (IGTWA). Entre os critérios, considera-se a qualidade das instalações, estrutura, atrativos da região, clima e hospitalidade, além do custo.

O Ministério do Turismo (MTur), por meio do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), em parceria com os profissionais do setor, vem promovendo o país como destino internacional para a prática do golfe. A meta é tornar o Brasil referência mundial do turismo de golfe, modalidade esportiva, que fará parte do Programa Olímpico a partir dos Jogos de 2016, no Rio de Janeiro.

Resorts

A conquista do IAGTO Awards 2010 fortalece a posição do Brasil como um dos principais destinos do mundo para a prática do esporte. Atualmente, há 20 campos de golfe em destinos turísticos, segundo a Confederação Brasileira de Golfe (CBG), nas regiões Nordeste, Sul e Sudeste. Existem ainda mais de 30 projetos de novos campos, principalmente ligados a resorts no Nordeste.

“A escolha do Brasil como destino revelação, feita por jornalistas especializados em golfe, é um reconhecimento do trabalho realizado nos últimos anos, de profissionalização deste nicho, construção de novos campos de nível internacional no País e da promoção de destinos brasileiros entre operadores turísticos e imprensa especializada”, disse a presidente da Embratur, Jeanine Pires. “Estamos muito satisfeitos com o prêmio, que só nos incentiva a incrementar ainda mais a divulgação do Brasil como destino mundial para a prática de golfe”.

Segundo a publicação US Golf Economy Report, o turismo de golfe movimenta no mundo anualmente US$ 30 bilhões, gerados por aproximadamente 15 milhões de jogadores que viajam para praticar ao menos uma vez por ano. No Brasil, o golfe movimenta cerca de R$ 500 milhões por ano, segundo estimativa da Confederação Brasileira. Mas ainda não há estimativas de quanto o turismo de golfe gera de receita no país. De acordo com a IAGTO, o turista-golfista gasta de 50% a 100% a mais do que o turista convencional. O segmento atrai um turista com renda anual superior a US$ 45 mil e predisposição a pagar diárias acima de US$ 500.

Para conquistar o prêmio, o Brasil concorreu com outros 20 países, entre eles Alemanha, Costa Rica, Índia e Suíça. A expectativa é que isso ajude a alavancar ainda mais o turismo de golfe no Brasil. O esporte, segundo a CBG, está em franco crescimento e é de se esperar um boom no golfe brasileiro para os próximos anos, principalmente com a realização das Olimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro, quando a modalidade deverá estrear nos jogos.

Alguns dados sobre o golfe no Brasil:
- Número de campos atualmente: 110
- Campos ligados a condomínios: 18
- Campos ligados a destinos turísticos: 20 (15 ligados a resorts ou hotéis e outros 5 em pontos turísticos, com convênio com hotéis próximos)
- Número de campos há dez anos: menos de 80
- Número de praticantes brasileiros: 25 mil
- Número de praticantes há dez anos: 7 mil
- Projetos de novos campos: 30 a 40, principalmente ligados a resorts no Nordeste.

Fonte: Confederação Brasileira de Golfe (CBG)
 

registrado em:
Fim do conteúdo da página