Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > Milhares de brasileiros viajando pela fé
Início do conteúdo da página

Milhares de brasileiros viajando pela fé

Turismo religioso movimenta a economia e contribui com o desenvolvimento dos destinos de peregrinação
  • Publicado: Domingo, 11 de Outubro de 2009, 06h38
  • Última atualização em Sexta, 09 de Outubro de 2009, 15h20
Turismo religioso movimenta a economia e contribui com o desenvolvimento dos destinos

Autor:Banco de Imagens

Turismo religioso movimenta a economia e contribui com o desenvolvimento dos destinos

Turismo religioso movimenta a economia e contribui com o desenvolvimento dos destinos

Autor:Banco de Imagens

Turismo religioso movimenta a economia e contribui com o desenvolvimento dos destinos

Todos os anos,  sete milhões de pessoas visitam o Santuário Nacional de Nossa Senhora Conceição Aparecida durante o feriado de 12 de outubro. Estima-se que o local, na cidade de Aparecida (SP), receberá mais de 100 mil fiéis para as celebrações este ano. As romarias e grandes deslocamentos pela fé constituem um segmento turístico muito comum no Brasil, o turismo religioso. Todos os anos, 1,7 milhão de viagens são realizadas com esse propósito, o que representa quase 2% de todas as viagens dentro do país e R$ 6 bilhões em negócios.
 
Viagens e excursões movidas pela fé estão espalhadas por vários destinos brasileiros. São peregrinações e penitências que impulsionam as pessoas a visitar sítios turísticos relacionados a algum credo. Por causa disso, o turismo religioso é uma parte importante da indústria pelo potencial naturalmente empreendedor: geração de negócios, emprego, renda, lazer e a capacidade de fortalecer os destinos ou melhorar as condições de vida das comunidades. Romeiros, guiados pela fé, acabam contribuindo para o fortalecimento social e econômico e para a redução das desigualdades em cidades com perfil religioso.
 
De acordo com a coordenadora geral de Segmentação do Ministério do Turismo (MTur), Saskia Freire Lima, o setor ainda precisa se organizar. “Sem dúvidas, o Brasil conta com vários destinos e atrativos que têm foco no turismo religioso, independentemente do credo ou religião, o que movimenta a economia e o setor como um todo. No entanto, a atividade ainda precisa de maior organização. O MTur está atento a isso e tem participado de reuniões e iniciativas para a formalização de uma rede, onde seja possível debater dificuldades e trocar experiências de sucesso”, reforça a coordenadora.
 
E não é apenas a cidade de Aparecida que movimenta o turismo religioso no Brasil. Em Juazeiro do Norte (CE) e no interior de Pernambuco, por exemplo, milhões de fiéis visitam os sítios religiosos ligados a Padre Cícero.
 
Outra grande manifestação popular de caráter religioso é o Círio de Nazaré, em Belém (PA). O evento, que reúne cerca de um milhão de pessoas, acontece no segundo domingo de outubro e segue por 15 dias. O Círio é a maior manifestação religiosa do Pará e uma das maiores manifestações de fé do mundo católico. Conhecido em todo Brasil, atrai à cidade um grande número de turistas que fazem romaria à Basílica em homenagem a Nossa Senhora de Nazaré.
 
E, sendo o Brasil um país de pluralidade religiosa, há ainda as manifestações de credos variados, como as da Igreja Evangélica, do Candomblé, do Judaísmo, Espiritismo, Budismo, entre outros. Com a realização de encontros, feiras e congressos, por exemplo, igualmente levam centenas de brasileiros a viajar aos locais representativos de sua fé.

registrado em:
Fim do conteúdo da página