Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > Brasil apresenta produtos turísticos para profissionais do setor na Argentina
Início do conteúdo da página

Brasil apresenta produtos turísticos para profissionais do setor na Argentina

Embratur expõe destinos de praia, ecoturismo, aventura, cultura e história na Feira de Turismo da América Latina (FIT)
  • Publicado: Segunda, 16 de Novembro de 2009, 04h30
  • Última atualização em Segunda, 16 de Novembro de 2009, 16h21

A Argentina é o principal emissor de turistas estrangeiros para o Brasil. O país vizinho foi responsável por mais de 18% do fluxo total de visitantes internacionais no ano passado. Foram mais de um milhão de turistas argentinos circulando por nossos destinos, 30% a mais que em 2003. Por estas características, o mercado argentino é considerado de altíssima prioridade para o trabalho de promoção do Brasil no exterior, de acordo com recomendações do Plano Aquarela, que norteia as ações da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo).
 
O ministro do Turismo, Luiz Barretto esteve presente no primeiro dia do evento, onde participou da solenidade de abertura e recebeu, no estande do Brasil, junto com a presidente da Embratur, Jeanine Pires, a visita da ministra da Indústria e Turismo da Argentina, Débora Giorg, do ministro da Cultura da Argentina, Hernón Lombardi, e do Secretário de Turismo da Argentina, Carlos Enrique Meyer.
 
A área reservada para o Brasil conta com um espaço de 645 m2, onde 44 co-expositores – entre estados, municípios, empresas de turismo e companhias aéreas apresentam seus produtos aos profissionais de turismo. Além dos conceitos de modernidade, design, arquitetura e cultura, o painel central do estande brasileiro tem com tema o aniversário de 50 anos de Brasília. A Catedral e o Congresso Nacional, duas das maiores belezas arquitetônicas da Capital Federal, estarão estampadas em feiras internacionais de turismo que acontecem em 2009 e 2010.
 
“A FIT é o primeiro grande encontro internacional de turismo realizado na América do Sul no qual o Brasil participa como sede confirmada da Copa 2014 e Jogos Olímpicos 2016 – o que credencia o país como um dos principais destinos internacionais para a realização de grandes eventos”, disse a presidente da Embratur, Jeanine Pires. “O Brasil é o 7º destino do mundo que mais realiza eventos internacionais, de acordo com o ranking da International Congress and Convention Association (ICCA)”, complementou.
 
Em sua 13ª edição, a FIT está posicionada como uma das feiras mais importantes no mercado internacional em termos profissionais e de público. O evento tem como propósito reunir os protagonistas da indústria turística mundial e disponibilizar aos participantes um ambiente que gere novas relações comerciais, apresentando novidades, divulgando destinos e consolidando os contatos do setor.
 
Ofensiva em 2010
 
“Nossa ideia é que já no início de 2010 comecemos uma campanha ofensiva de divulgação do Brasil com ações publicitárias em ônibus e metrôs, focando o consumidor final. Queremos que o Brasil fique na mente do argentino. Vamos nos focar não apenas em Buenos Aires, mas em outras cidades como Rosário, Córdoba, Mendonza entre outras” ponderou o executivo do Escritório Brasileiro de Turismo na América do Sul, João Carlos Vasconcelos. “Além de Sol e Praia, os argentinos têm grande interesse pela cultura e pela história do Brasil e todos os estados têm capacidade para promover produtos de qualidade e conquistar ainda mais este mercado”, afirmou.
 
Na última sexta-feira (13), o executivo acompanhou o diretor de Mercados Internacionais da Embratur, José Luiz da Cunha, durante reunião com o Comitê Visite Brasil, na Embaixada do Brasil na Argentina. O objetivo do encontro era passar detalhes das estratégias de divulgação utilizadas ela Embratur aos membros parceiros na promoção do Brasil no país.
 
O Brasil é bastante visitado pelos argentinos: 86,65% dos turistas daquele país já estiveram no país pelo menos uma vez. É estratégia da Embratur mostrar toda a diversidade de destinos que o Brasil oferece, promovendo outras regiões e cidades por meio de campanhas publicitárias, relacionamento permanente com a imprensa argentina e caravanas com operadores de turismo, entre outras ações. Atualmente, Brasil e Argentina dispõem de 170 voos semanais, o que gera uma oferta de 22.775 assentos.
 
Quem é o turista argentino?
 
- Sol e praia é a motivação da viagem de 83,6% dos visitantes argentinos.
 - 86,6% já visitaram o Brasil outras vezes e 13,4% estão no país pela primeira vez.
 - 74,2% viajam a lazer e 17,7% estão em negócios, eventos ou convenções.
 - 58,8% ficam em hotéis, flats ou pousadas.
 - 42,5% viajam com a família e 20,7% estão sozinhos.
 - O gasto médio diário dos que viajam a lazer é de US$ 46,60 contra US$ 117,10 dos que estão a negócios, eventos ou convenções.
 - 28,7% têm entre 41 e 50 anos.
 - 57,1% ficam plenamente satisfeitos com a viagem.
 - Os destinos prediletos dos que viajam a lazer são, pela ordem, Florianópolis, Balneário Camboriú, cidade do Rio de Janeiro, Búzios e Bombinhas, em Santa Catarina.
 - A permanência média do turista de lazer é de 11,3 dias, e o de negócios, eventos e convenções, 5,1.
 - 98,7% têm a intenção de voltar ao Brasil.

registrado em:
Fim do conteúdo da página