Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > BID conclui avaliação de projetos do Mato Grosso do Sul
Início do conteúdo da página

BID conclui avaliação de projetos do Mato Grosso do Sul

Foram três dias de análise dos objetivos e metas para a estruturação e o incremento do turismo nos pólos de Corumbá e Bonito
  • Publicado: Sexta, 20 de Novembro de 2009, 16h10
  • Última atualização em Sexta, 20 de Novembro de 2009, 16h20

Termina neste sábado (21) a “missão de identificação” do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) em Mato Grosso do Sul. A visita dos técnicos representa o primeiro contato da instituição financeira internacional com o estado, um dos candidatos ao financiamento do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), do Ministério do Turismo.

Na missão, os técnicos do BID avaliam as informações relativas às regiões e projetos que receberão investimentos. Viabilidade técnica, ambiental, financeira, institucional e econômica das propostas são fatores observados. “Discutimos, por exemplo, os objetivos do contrato, o alinhamento dos projetos com a política de financiamento do banco, como será o fluxo financeiro e estabelecemos ainda o cronograma das próximas ações”, conta Abela Moreda, representante do BID.

As reuniões entre estado e BID são acompanhadas por representantes do Ministério do Turismo (MTur) que fazem a gestão do Prodetur. “O papel do ministério durante a missão é prestar apoio técnico ao estado. Um esforço para que tudo dê certo e o programa tenha êxito para que os projetos financiados contribuam de fato para o cumprimento das metas do Plano Nacional de Turismo”, afirma Daniel Vieira, coordenador geral de suporte técnico do MTur.

Depois da missão de identificação podem ser realizadas ainda, nesta ordem, missões de orientação e a de análise. O processo termina com a aprovação da proposta de financiamento pelo Congresso Nacional.

No momento, são 14 os estados e municípios com cartas-consultas aprovadas e em diferentes fases do procedimento de análise.

A carta-consulta, que baliza a solicitação de empréstimo, é uma espécie de passaporte para ingresso no programa. Só entra quem tiver o documento previamente aprovado pela Comissão de Financiamentos Externos (Cofiex), colegiado integrado por vários ministérios.
 

registrado em:
Fim do conteúdo da página