Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > São Luís (MA): Ilha do Amor completa 408 anos
Início do conteúdo da página
ANIVERSÁRIO

São Luís (MA): Ilha do Amor completa 408 anos

Após quatro séculos, a capital do Maranhão mantém suas tradições vivas e se tornou um polo turístico e cultural

  • Publicado: Terça, 08 de Setembro de 2020, 12h08
  • Última atualização em Terça, 08 de Setembro de 2020, 12h25

Por Vanessa Castro

Centro_Historico_saoluis.jpg

Patrimônio Cultural Mundial, o Centro Histórico de São Luís é um dos principais pontos turísticos da cidade. Crédito: Douglas Júnior/MTur

A capital do Maranhão completa, nesta terça-feira (08.09), 408 anos de muita história, cultura, festas populares, gastronomia única e belezas naturais exuberantes. Porta de entrada para um dos destinos mais encantadores e visitados do Brasil - os Lençóis Maranhenses -, São Luís dá motivos para entrar e ficar.

O Centro histórico da cidade, tombado como Patrimônio Cultural Mundial em 1977, revela a memória de tempos longínquos. As fachadas azulejadas, casarões e ruas de pedra estampam a influência da época colonial portuguesa. Apesar das características arquitetônicas lusitanas, São Luís foi fundada por franceses, em 1612, nomeada em homenagem ao então rei da França, Luís XIII.

Passeando pelo Centro, as ruas Portugal e Trapiche mostram a dimensão cultural e artística da cidade, assim como a Igreja da Sé; o Teatro Arthur Azevedo; a Fonte do Ribeirão, construída em 1796; o Palácio dos Leões, sede do Governo do Estado; o museu folclórico Casa do Maranhão; e o Museu Histórico e Artístico do Maranhão.

Azuleijo_Sao_Luis.jpg

Os azuleijos portugueses nos milhares de edifícios do Centro Histórico são a memória do período colonial. Crédito: Roberto Castro/MTur

São Luís é, sem dúvida, banhada de cultura, história e... água. Conhecida como Ilha do Amor, a cidade é uma das três capitais brasileiras insulares do continente, assim como Florianópolis (SC) e, a também aniversariante, Vitória (ES), que completa 469 anos neste dia 8 de setembro.

Essa característica da capital faz com que opções de praias não faltem para “se banhar”, como popularmente é dito pelos maranhenses. Os locais mais procurados são as praias Ponta d’Areia, São Marcos, Calhau e Olho D’Água. A região também é bastante visada pelos amantes do Turismo de Aventura e praticantes de esportes radicais como o Kitesurf, modalidade aquática que utiliza o vento como força propulsora para se locomover.

Mas quem quer curtir as atrações turísticas náuticas em São Luís deve ficar atento à maré, isso porque a cidade possui uma das maiores variações de maré do mundo. Um ciclo ocorre, em média, a cada 12h e o mar pode recuar até seis metros. Esse fenômeno natural faz com que os barcos de passeio tenham horários diferenciados todos os dias.

Para quem procura um destino rico em gastronomia, a capital maranhense é um prato cheio. A culinária típica da região é um misto de tradições europeia, africana e indígena e atrai turistas que vêm de longe para experimentar as iguarias locais cheias de cores e sabores, como o cuxá (puro ou misturado com arroz), o peixe escabeche, a peixada maranhense, o caranguejo “toc toc” ao leite de coco, a torta de caranguejo ou camarão seco, e tudo isso regado a muito coentro, tempero tradicional da região.

Cuxá.jpg

O arroz de cuxá é um dos pratos típicos da região, muito apreciado por moradores e turistas. Crédito: Roberto Castro/MTur

Toda esta riqueza culinária, adicionada ao folclore e à história maranhenses e uma pitada (generosa) de encanto, faz de São Luís um polo turístico e cultural singular, cheio de atrações e manifestações populares, como os festejos juninos e a festa do Divino Espírito Santo, criados por um povo alegre, receptivo e cheio de tradição.

Sao_Luis_festejos.jpg

Os festejos juninos de São Luís então entre as maiores celebrações populares do país. Crédito: Roberto Castro/MTur

Victor Maciel

registrado em:
Assunto(s): São Luís , aniversário
Fim do conteúdo da página