Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > Conservação da Matriz do Divino Pai Eterno de Trindade (GO) é concluída
Início do conteúdo da página
OBRAS

Conservação da Matriz do Divino Pai Eterno de Trindade (GO) é concluída

Obra garantirá condições seguras de utilização do templo por religiosos e devotos, bem como a proteção de valores culturais

  • Publicado: Sexta, 05 de Junho de 2020, 10h16
  • Última atualização em Sexta, 05 de Junho de 2020, 10h24

Por Victor Maciel, com informações do Iphan

WhatsApp Image 2020-06-04 at 18.29.18 (2) (1).jpg

Conservação da Igreja Matriz do Divino Pai Eterno foi concluída. Crédito: Marianne Carrijo/Iphan

A população e os visitantes de Trindade (GO), um dos principais destinos turísticos religiosos do Brasil, já podem voltar a visitar a Igreja Matriz do Divino Pai Eterno, após a recuperação de sua estrutura. O templo recebeu uma obra de salvamento emergencial conduzida pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), vinculado ao Ministério do Turismo, com um investimento de R$ 826 mil do governo federal.

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, ressalta que a preservação de patrimônios culturais favorece o crescimento do setor no país. “O turismo religioso tem grande capilaridade no Brasil. Por isso, temos buscado cada vez mais levar investimentos para estes locais, aliando a preservação da história e da cultura, além de garantir uma boa infraestrutura para os turistas e moradores das cidades”, observa.

A obra, executada nos últimos seis meses, contou com serviços de consolidação estrutural, com a substituição de suportes desgastados nas duas torres que compõem a Igreja, a imunização para combate a cupins e outros agentes biológicos e a pintura externa e interna do edifício. A intervenção teve como objetivo a preservação do templo, garantindo condições seguras de utilização por religiosos e devotos, bem como a proteção dos valores culturais do monumento.

Tombada pelo Iphan e pelo Governo de Goiás, a Matriz, inaugurada em 1912, está localizada na Praça do Santuário, área em que garimpeiros encontraram o medalhão com a ilustração da Santíssima Trindade, às margens do Córrego Barro Preto, dando origem à forte devoção na cidade e criando assim a relação direta do templo com a Festa do Divino Pai Eterno. Devotos que participam da celebração têm a tradicional Matriz como ponto de encontro, peregrinação, visitação e missas.

A Igreja também concentra fiéis que participam da Romaria de Carros de Bois, celebração reconhecida, em 2016, como Patrimônio Cultural do Brasil e uma das manifestações mais expressivas da Festa do Divino Pai Eterno. O foco da Romaria é em Trindade, mas milhões de devotos saem, anualmente, de diversas cidades de Goiás e de estados próximos, do Centro-Oeste e do Sudeste, para agradecer bênçãos recebidas, pagar promessas e pedir proteção. Neste ano de 2020, quando a devoção completa seus 180 anos na região, a Festa do Divino teve de ser cancelada, devido à pandemia do novo coronavírus.

Segundo a presidente do Iphan, Larissa Peixoto, a obra de consolidação da Matriz de Trindade é fundamental no sentido de preservar a história do Brasil e devolver à sociedade patrimônios prontos para uso. “Os nossos esforços visam recuperar e manter as riquezas históricas e artísticas do nosso país, como a Igreja do Divino Pai Eterno”, comenta.

Edição: Rafael Brais

registrado em:
Assunto(s): turismo , iphan
Fim do conteúdo da página