Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > MTur avança nas ações para potencializar turismo na região
Início do conteúdo da página
ANGRA DOS REIS

MTur avança nas ações para potencializar turismo na região

Entre as medidas, está a implementação de um porto exclusivo de passageiros 

  • Publicado: Quarta, 06 de Novembro de 2019, 19h30
  • Última atualização em Sexta, 08 de Novembro de 2019, 14h46

Por Rafael Brais

061119 - Angra (2).jpg

MTur, Cia das Docas e prefeiutra de Angra dos Reis: juntos para potencializar turismo. Crédito: Dênio Simões/MTur

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, recebeu nesta quarta-feira (06.11), em Brasília/DF, o prefeito de Angra dos Reis/RJ, Fernando Jordão, e o Almirante Francisco Antônio de Magalhães Laranjeira, para tratar de medidas para potencializar o turismo na cidade do sul fluminense. Durante o encontro, foi debatida a construção de um porto exclusivo para turistas, nos moldes do que já foi anunciado em Balneário Camboriú/SC. A obra, que ainda não tem prazo para conclusão, tem o objetivo de mudar a realidade da região e atrair ainda mais visitantes nacionais e internacionais. A ação faz parte do projeto do governo federal de transformar Angra dos Reis em uma referência turística mundial, assim como Cancún (México).

Na audiência, foram alinhadas ações para destravar gargalos, identificar obstáculos e definir intervenções estratégicas que vão beneficiar turistas, comerciantes e moradores. Essa é mais uma etapa do trabalho desenvolvido pelo MTur para estruturar a região de Angra dos Reis. Em agosto deste ano, equipe técnica coordenada pelo Ministério do Turismo se reuniu com representantes do Governo do Estado do Rio de Janeiro e da prefeitura de Angra dos Reis para mapear a situação local. Em outubro, o Ministério anunciou R$ 15 milhões para diversas obras no município, como a adequação e junção do Cais dos Pescadores e do Cais de Santa Luzia, a iluminação de monumentos históricos e as construções do Píer da Costeirinha.

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, destacou a importância do desenvolvimento desse projeto tão importante para Angra dos Reis, para o Rio de Janeiro e para o Brasil, e que vai potencializar o turismo em uma das regiões mais belas do mundo. “Nosso trabalho é levar a infraestrutura para que o turismo se desenvolva e possa gerar emprego e renda. Vamos desenvolver, respeitando a natureza, obviamente, e fazer da região uma das mais visitadas de nosso país”, afirmou.

Álvaro Antônio citou que as instituições envolvidas na obra estão empenhadas em transformar o turismo de Angra. “Contando com a Companhia de Docas, com a prefeitura de Angra dos Reis e com o ministro Tarcísio, de Infraestrutura, vamos fazer dessa região um dos maiores potenciais turísticos do Brasil”, complementou.

O prefeito de Angra dos Reis, Fernando Jordão, agradeceu o apoio do Ministério do Turismo e destacou que o turismo vai evoluir muito com as intervenções do governo federal. “Meu pai dizia que quando a pesca e o porto estão bem, a cidade fica bem. E agora, com apoio do ministro Marcelo e do presidente Bolsonaro, Angra vai ficar ainda melhor”, comentou, citando que Angra dos Reis é, inclusive, mais bela que Cancún.

O Almirante Francisco Antônio de Magalhães Laranjeira colocou a Companhia de Docas à disposição para que o projeto possa se tornar realidade. “Podem contar com o nosso apoio. Vamos caminhar lado a lado”, disse.

Edição: Cecília Melo

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página