Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > CE, RN, PE, SE, PB, MA, PI, PA e AP estão com as praias limpas, afirma nota
Início do conteúdo da página
NOTA À IMPRENSA

CE, RN, PE, SE, PB, MA, PI, PA e AP estão com as praias limpas, afirma nota

Nota informou, também, que cerca de 700 fuzileiros navais iniciaram ações de limpeza das praias, manguezais e arrecifes do litoral pernambucano

  • Publicado: Terça, 12 de Novembro de 2019, 10h40
  • Última atualização em Terça, 12 de Novembro de 2019, 16h51

04_11_19_praiasNE.jpeg

Equipes trabalham para a limpeza das áreas atingidas. Crédito: GAA

O Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA), formado pela Marinha do Brasil (MB), Agência Nacional de Petróleo (ANP) e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), informou, nesta segunda-feira (11), que os estados de Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Sergipe, Paraíba, Maranhão, Piauí, Pará e Amapá estão com as praias limpas. As seguintes localidades permanecem com vestígios de óleo, com ações de limpeza em andamento: Japaratinga, Barra de São Miguel, Coruripe, Feliz Deserto e Piaçabuçu, em Alagoas; Porto de Sauípe, na Bahia; e Guriri, no Espírito Santo.

Até o momento, mais de 4.800 militares da MB, 34 navios, sendo 30 da MB e 4 da Petrobras, 22 aeronaves, sendo 11 da MB, 6 da Força Aérea Brasileira (FAB), 3 do Ibama e 2 da Petrobras, além de 5.000 militares e 140 viaturas do Exército Brasileiro (EB), 140 servidores do Ibama, 80 do ICMBio e 440 funcionários da Petrobras atuam nessa grande operação.

De acordo com o levantamento feito pelo IBAMA, foram contabilizadas, aproximadamente, 4.400 toneladas de resíduos de óleo retirados das praias nordestinas, até esta segunda-feira (11). É importante frisar que a contagem desse material contém óleo, areia, EPI utilizados na coleta, lonas, etc. O descarte desse material vem sendo feito pelas Secretarias de Meio Ambiente dos Estados.

O GAA informou, também, que deu início ao programa de capacitação, conduzido pela Petrobras, para limpeza de ambientes costeiros afetados pelo óleo. Nesta segunda-feira (11) foi realizado curso na Capitania dos Portos de Sergipe e na Escola de Aprendizes-Marinheiros de Pernambuco, treinamentos para os militares da MB, EB, FAB, Corpo de Bombeiros, além dos servidores do Ibama, Defesa Civil dos estados e municípios, Agências Estaduais e Prefeituras. Os treinamentos terão continuidade nos estados de Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Alagoas.

O Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais, composto por cerca de 700 militares e mergulhadores, que desembarcaram no Porto de Suape-PE, neste domingo (10), iniciaram as atividades de limpeza das praias, manguezais e arrecifes do litoral Pernambucano. A programação dos locais prioritários para atuação da tropa vem sendo definida sob orientação do Ibama.

Equipes Móveis de Saúde da MB iniciaram a investigação médico-sanitária no estuário do Rio Sirinhaém (PE). As próximas regiões previstas são: Praias dos Carneiros, de Itapoama e São José da Coroa Grande. Os dados serão compilados e encaminhados às autoridades de saúde locais para o acompanhamento, caso necessário, das pessoas identificadas que apresentam sintomas, decorrentes de contato com o óleo.

Seis mergulhadores da MB, em cooperação com a Defesa Civil e voluntários locais, realizaram uma ação de monitoramento na região do Rio Persinunga, localizado na divisa entre Alagoas e Pernambuco, que resultou na identificação e recolhimento de, aproximadamente, 25 kg de resíduos oleosos. Para os próximos dias, estão sendo programadas novas operações na área.

registrado em:
Assunto(s): Nordeste , Praias , Turismo , Viagens
Fim do conteúdo da página